quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Mãe, a senhora faria 83 anos hoje...

Faria, porque já se foi a mais de sete anos!
Uma hiper-mãe, uma super-amiga...
A senhora foi super em tudo que se dedicava, e como se doava, não conseguia ser comum...
Como a maioria dos aquarianos, viveu além do seu tempo. 
Era única em contar histórias como dizia uma querida amiga sua, que adorava as suas divagações em meio aos relatos...
Mudava conceitos e pré conceitos...
Tanto poderia se falar de sua vida! 
Mas deixo essas lembranças, egoisticamente, para nós sua família e para seus amigos.
Hoje só quero lembrar da falta, da saudades que nos faz...
Me elegeu como sua mãe, muito mais que sua filha.
E me dói não ter mais o trabalho que me dava, as confusões que me impingia.
Mas quando se colocava na sua posição de minha mãe, sabia me defender como uma leoa e me abençoar como só Nossa Senhora sabe fazer...
Foi única para cada filha sua como múltipla que era, e deixou um tipo diferente de saudades para cada uma de nós.
Te amo mãe, sei que aonde está, hoje é dia de festa!
Parabéns, até breve, porque sei que estará me esperando quando eu chegar.
Da sua filha do meio,
Carolina Ferreira.
09/02/2017.