domingo, 8 de março de 2015

*HOMENAGEM À TODAS AS MULHERES DO MUNDO" 08/03/2015.




MULHER DE TRINTA
(Autor  Luiz Antonio - intérprete Miltinho)

"Você mulher, que já sofreu,
   Que já viveu, não minta...
Um triste adeus nos olhos seus,
A gente vê, Mulher de Trinta.

No meu olhar, na minha voz
Um novo mundo, sinta
É bom sonhar, sonhemos nós
Eu e você, Mulher de Trinta
Amanhã sempre vem
E o amanhã pode trazer alguém..."




Quem nasceu depois dos anos 60, não devem conhecer esta canção que fez tanto sucesso naquela década!
Uma mulher de trinta anos era considerada, pejorativamente, uma "mulher vivida"...
Se não tivesse casado então, tinha ficado pra "titia", era "balzaquiana", corôa ...
As "jovens" não queriam sua companhia por temerem ficar como elas, e as casadas então, temiam que sua presença solteira atraísse os olhares de seus maridos...
Enfim... era o FIM...
Aí a razão de tanto sucesso dessa letra, creio eu, pois vislumbrava  com a esperança do amanhã, trazer "alguém" que a salvasse, rsss...
Hoje, a grande maioria das mulheres de trinta anos está no auge de si própria, conhece a capacidade de sua feminilidade; descobriu que é atraente não só por sua beleza, mas por se encontrar na plenitude de sua liberdade profissional, familiar e pessoal!
Hoje minha homenagem é para todas as mulheres que aprenderam e ousaram ser:
DONAS DE SUAS VONTADES,
trabalhando com afinco e dignidade nos "03 famosos turnos", tenham elas 30, 60 ou 90 anos, sejam solteiras, casadas, viúvas ou separadas!

Beijos minhas amigas,
Carolina Ferreira
08/03/2015