sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

*DEZESSEIS ANOS SEM VOCÊ MEU FILHO JOSÉ GERALDO*

MAIS UM ANO SE PASSOU
AGORA JÁ SÃO 16 SEM VOCÊ MEU FILHO!!!

BUSCO ANSIOSA E INUTILMENTE NOS NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOGRAFIA, UMA NOVA IMAGEM SUA QUE AINDA NÃO TENHA VISTO E CHORADO E RIDO, TUDO AO MESMO TEMPO, DIANTE DAS LEMBRANÇAS QUE ELAS ME TRAZEM...

FICO IMAGINANDO COMO VOCÊ ESTARIA AGORA COM 43 ANOS E QUASE 10 MESES...

SEU IRMÃO CAÇULA ESTÁ CARECA, MAS VOCÊ NÃO TINHA ENTRADAS...

ESTARIA GORDO? VOCÊ SE EXERCITAVA MUITO...

AINDA TERIA AQUELE JEITO INCONSEQUENTE E BRINCALHÃO, OU ESTARIA MAIS SÉRIO...

HOJE VOCÊ NÃO PODERIA MAIS ME COLOCAR NO COLO E NEM DAR-ME AQUELES ABRAÇOS DE URSO, POIS MINHA COLUNA NÃO AGUENTARIA...

AH, MAS SEUS BEIJOS ESTALADOS COM AQUELA BOCA CARNUDA EU AINDA PODERIA RECEBER...

MEU FILHO, MEU FILHO, MEU FILHO...
QUANTAS SAUDADES...

“NÃO ESTÁ LONGE DE NÓS, QUEM ESTÁ PERTO DE DEUS”, ENTÃO SEI QUE VOCÊ ESTÁ PRÓXIMO DE TODOS NÓS, AMOR DA MÃE...

REZO TODOS OS DIAS PELA SUA ALMA E SEI QUE DE ONDE VOCÊ ESTÁ TAMBÉM ESTÁ OLHANDO POR TODOS NÓS QUE LHE AMAMOS TANTO!

ATÉ UM DIA MEU FILHO, AMO VOCÊ COMO SEMPRE E PARA SEMPRE...
                                    
CAROLINA FERREIRA
01/02/2013